sexta-feira, dezembro 09, 2005

2 Inéditos de Fernando Pessoa

Organizados pela prof.Manuela Parreira Silva, três volumes da poesia órtonima do Poeta vão sair sob a chancela da Assírio & Alvim. O JL, na sua edição do dia 7, fez publicar oito das duas centenas e meia de poemas inéditos. Desses, com a devida vénia, o Blog insere dois, um na língua materna do poeta, outro na sua língua de cultura, o inglês.

Fonte
Fresca e viva
A água aviva
Só de ouvida,
Minha Vida.

Sinto mais
Leves, ais
Minha dor
Quasi amor.

Fonte calma
Dou-te a alma
Dá-me a tua
Fresca e nua

Já que a aurora
A ambos doura,
Minha irmã
Na manhã.

10.-4-1912

(Poem)
A Girl, thinking of her lover, on a chair on the deck
of a liner.

Behind this chair's soft impression against my back,
Thrilled through with the sensation of my neck
Of the propeller throbbing right across my dream
Of the night when we kissed, the ship doth seem
To cross my vision of that night, the deck
Lies between our kisses' taste, a flock
Of smoke seen floating suddendly over the awning on
the deck
And the summer night far away is still there.

29-5-1915

(Fernando Pessoa)

1 comentário:

Maria do Céu Costa disse...

Em jeito de homenagem pela passagem da recente data, dois inéditos que gostei de conhecer. Bom fim de semana. Beijinhos.