sexta-feira, outubro 28, 2005

Exercício sobre os telhados

O sol chegava aos telhados
como o oiro derramado
em pó pelo vento matinal
o sol chegava aos telhados
devassava o que até há pouco
eram as sombras
o sol cegava nos telhados
quando os meus olhos
se antecipavam
a toda a precaução.

2 comentários:

Maria do Céu Costa disse...

Gostei de ler este "Execicio". Cumprimentos.

Maria do Céu Costa disse...

Ressalvo: "Exercicio".