quinta-feira, maio 18, 2006

Política Literária

O poeta municipal
discute com o poeta estadual
qual deles é capaz de bater o poeta federal.
Enquanto isso o poeta federal
tira ouro do nariz.

(Carlos Drummond de Andrade)

3 comentários:

Helder Ribau disse...

adorei
feliz fim-de-semana!

virna disse...

perfeita ironia este poema de drummond.

Ana Maria disse...

fantástico.

um jinho