sábado, maio 20, 2006

Luandino Vieira, Prémio Camões 2006

Canção para Luanda
(excerto)

A pergunta no ar
no mar
na boca de todos nós:
-Luanda onde está?

Silêncio nas ruas
Silêncio nas bocas
Silêncio nos olhos

-Xê
mana Rosa peixeira
responde?

-Mano
Não pode responder
tem de vender
correr a cidade
se quer comer!

«ola almoço, ola almoçoée
matona calapau
ji ferrera ji ferrerééé»

-E você
mana Maria quintandeira
vendendo maboque
os seios-maboque
gritando
saltando
os pés percorrendo
caminhos vermelhos
de todos os dias?
«maboque m’boquinha boa
dóce dócinha».

(José Luandino Vieira)

1 comentário:

Maria Costa disse...

Bonita homenagem aqui, ao autor vencedor do prémio camões.
Bom fim de semana.

Beijinhos.