sábado, fevereiro 25, 2006

Frida Kahlo

A Coluna Quebrada

Vêem-se
mas não se sabe
onde estão

ao fundo
os dois olhos
no retrato

sobrevoam
-nos
sobrancelhas

ela tem um corpo
pregado
à vida inteira

aberto
entre os
dois seios.

5 comentários:

virna disse...

creio que esse é o quadro mais impressionante de frida kahlo. também escrevi um poema sobre um quadro dela, "las dos fridas".

OrCa disse...

Um poema estranho documentando a estranheza...

Um poema que Frida apreciaria.

Um poema que eu apreciei.

Um abraço, até próximo dia 4.

Maria Costa disse...

Descrição poética condizente com a pintura.
Actualmente e até Maio decorre no CCB uma exposição da mesma artista.

Beijinhos.

delusions disse...

Gostei mt...Sempre gostei da obra da Frida Kahlo, e acho que o poema transcreve em palavras perfeitamente o que a pintora disse com o pincel...bjs*

Ana Maria disse...

imagem e palavras numa estrutura única.