domingo, dezembro 30, 2007

No princípio do século vinte

Picasso, Mulher a ler

Mulher que lê o jornal

Notícias da província
do país
do mundo
os balões de ar quente
o zeppelin
o primeiro aeroplano
telefonia sem fios
sufragistas
naturalistas e novas descobertas
mora tudo nas páginas do jornal
que ela lê

absorta
o romance de Zola
a poesia de Junqueiro
os desenhos de Bordalo
o borda d’água
as modas de Paris

a balzaquiana de trinta anos
devora o jornal
com persistente interesse
a pressentir que a vida
afinal
não termina na soleira da porta
nem o mundo no fim da rua.

(Brissos Lino)

1 comentário:

Mïr disse...

Um forte abraço com os votos de 2008 repleto de saúde e muita Poesia.